Doutorado

    O Curso de Doutorado do Programa de Pós-Graduação em Ciências e Biotecnologia tem por objetivo formar recursos humanos para a docência e pesquisa, capazes de promover o desenvolvimento científico e tecnológico dessas áreas. Assim, o PPBI foi organizado com proposições que visam oferecer opções para o treinamento avançado, não só na Pesquisa, mas também no aprimoramento de Docente de Nível Superior, ou na adequação para contratação por empresas nacionais e/ou internacionais, estimulando no egresso o estabelecimento de competências em sua área de atuação e áreas correlatas e a continuação da sua formação acadêmica.
    O público alvo são os portadores de diploma de mestre nas áreas de Ciências Biológicas e áreas correlatas. No processo de formação do Doutor em Ciências e Biotecnologia serão enfatizados o treinamento científico crítico, a qualificação do conteúdo e a busca persistente de excelência acadêmica, alinhados com a missão deste Programa de Pós-Graduação na área de pesquisa e produção de conhecimentos nos níveis básico e aplicado.
    O Doutor formado no Programa de Pós-Graduação em Ciências e Biotecnologia estará capacitado para executar estudos que poderão abranger desde a obtenção de produtos bioativos e avaliação biológica nas suas diferentes possibilidades, até a aplicação da tecnologia e do conhecimento gerado, com estudos sistemáticos, de forma a adquirir uma sólida formação em Biologia e tecnologia, estando capacitados tanto para a geração quanto para a transmissão de conhecimentos entre as diferentes áreas das ciências biológicas.
    A preocupação com o trabalho científico deve surgir prontamente, logo no ingresso do doutorando na Pós-Graduação, sendo evidenciado pela formulação do pré-projeto, que deverá mostrar o planejamento de um trabalho de investigação que represente sua contribuição original ao estado da arte do assunto/tema tratado. O pré-projeto deverá apresentar a amplitude e a profundidade esperadas nos estudos desenvolvidos para que resulte em uma tese de doutorado e trabalhos publicados, fato que estará diretamente refletido na obra acadêmica a ser defendida perante Comissão Julgadora (banca). Assim a tese será o documento que apresentará o resultado de um trabalho experimental ou de um estudo científico, onde o tema será único e bem delimitado, baseada em investigação original, constituindo uma real contribuição para a especialidade em questão.
     No doutorado será essencial para a seleção a demonstração de qualidades e experiência em pesquisa. Um bom currículo acadêmico é condição  indispensável para a entrada no curso, visto que este deverá desenvolver no profissional habilidades e aptidões para :
- Trabalhar com seriedade, responsabilidade e ética em termos de temática e de competências;
- Ser capaz de se manter atualizado, inclusive utilizando novas ferramentas, reconhecendo as fontes locais para sua atualização.
- Mobilizar os recursos da língua falada (apresentações orais) e escrita (resumos e artigos) de modo contextualizado para participar das interações presentes no PPBI-UFF e em outros locais do conhecimento (ex: congressos).
- Trabalhar de forma independente e criativa, demonstrada pela criação de novo conhecimento validada por publicações em bons veículos científicos ou pela obtenção de patentes.
- Escrever na língua estrangeira, nos seus diferentes registros e variedades em termos de estrutura e aplicações na área (ex: resumos, artigos e patentes).
- Refletir analítica e criticamente sobre os processos de ensino e aprendizagem da Biologia;
- Integrar o ensino e a pesquisa simultânea e continuamente visando à formação do Doutor em Biologia das Interações com uma perspectiva científico-humanística, considerando a perspectiva do indivíduo a quem se fornece o conhecimento.
O curso de doutorado em Biologia das interações ainda pretende possibilitar ao doutorando condições para:
- O desenvolvimento de autonomia , de estudo e construção de conhecimento crítico e independente, utilizando a experiência de seu(s) orientadores; capacitando-o para o domínio do uso das tecnologias de informação e comunicação aplicadas à Biologia;
- A emergência das autorias, ensinando ao doutorando a ser autor e não apenas leitor ou construtor de dados;
- A alta formação acadêmica em sintonia com as diretrizes nacionais de desenvolvimento científico e tecnológico do país em especial na compreensão dos sistemas biológicos com uma visão aplicada, sem perder a perspectiva do todo, participando no crescente aumento da demanda qualificada nesses campos.
    Outrossim, o Doutorado em Biologia das Interações visa a formação de profissionais qualificados a atuar no desenvolvimento de pesquisas científicas e tecnológicas e na docência de nível superior.
    O Curso foi organizado com proposições que visam oferecer opções para o treinamento avançado não só na Pesquisa, mas também no aprimoramento de Docente de Nível Superior, e no ingresso na empresa, estimulando no egresso o estabelecimento de competências em sua área de atuação e áreas correlacionadas. Nesse processo são enfatizadas a multidisciplinaridade, o treinamento científico crítico, a qualificação do conteúdo e a busca persistente de excelência acadêmica, alinhados com a missão aplicada do Programa de pósgraduação.
     O Programa de Pós-Graduação com foco nos diferentes níveis de interações (moleculares, celulares e sistêmicos) e vinculado a linhas de pesquisa ativas e produtivas. Inclui ainda a contextualização teórica do processo empreendedor, bem como aspectos práticos como a obtenção de recursos para projetos; do princípio de formação e funcionamento de empresas que utilizam a biologia como base de produção (Proteômica e Genômica, Materiais Laboratoriais, Biotecnologia, etc) e a ligação com o capital de risco. Para isso  contamos com qualificada infra-estrutura e ativos intangíveis (recursos humanos) de alta formação, além de intensa colaboração interinstitucional.
    Assim os egressos deverão ter uma formação que os capacitará a atuarem tanto no ensino quanto na pesquisa em Instituições de Ensino Superior (IES) e de Pesquisa, bem como no setor produtivo e na área de inovação e de gerenciamento, de maneira a possibilitar o desenvolvimento de conhecimento e tecnologia na área de Biologia.
    A preparação do doutorando no PPBI não ignora a demanda do mercado de trabalho na área biológica pelo profissional qualificado que tem sido de interesse das empresas, devido ao espírito crítico adquirido e sua capacidade de gerar respostas a questões novas que surgem de forma premente e contínua nesse espaço de atuação, que pertence atualmente a diferente profissionais ainda sem este tipo de qualificação.

A Minuta do Doutorado e o Regimento do PPBI

A minuta do  curso de doutorado mostra as disciplinas, carga horária e créditos necessários para conclusão e obtenção da titulação, enquanto o  regimento do programa, que foi elaborado seguindo as regras institucionais da Universidade Federal Fluminense   e da CAPES  apresenta todas as regras que determinam o funcionamento de ambos os cursos de mestrado e doutorado do programa (Anexo abaixo).

Apoio Financeiro e Bolsas

Contamos com o apoio e bolsas das fundações/instituições brasileiras CAPES, CNPq, FAPERJ e UFF, e também estamos incluídos no programa Ciência sem Fronteiras da CAPES. Atualmente, nossos pesquisadores também possuem financiamentos internacionais, subsídios e bolsas de estudos individuais. As bolsas são distribuídas de acordo com o regulamento de bolsas do PPBI definido pelo comitê de bolsas do programa (Anexo abaixo).

Produção Científica do  Curso

Nossa produção científica na forma de teses, artigos e patentes está disponível para a sociedade como solicitado pelos órgãos de fomento (CAPES, FAPERJ e CNPq).